PALAVRA

CADA MEMBRO ATIVADO,  UM TALENTO MULTIPLICADO

Mateus 25.14 – 30.

Introdução:

O Senhor Jesus deixou claro que na vida da Igreja existem três tipos de crentes:

Os que receberam cinco talentos, os que receberam dois e aqueles que receberam apenas um talento.

O crescimento vitorioso da Igreja ou a sua apatia não depende dos que receberam cinco ou dois talentos.

A responsabilidade total está sobre os que receberam um talento.

De geração em geração todas as dificuldades se encontram não com os de cinco talentos, mas com os de um.

A vida da igreja é arruinada quando os de um talento enterram o seu talento.

Por isso, precisamos ativar os membros de um talento para que a igreja possa funcionar como corpo e cumprir o propósito de Deus.

S.T E por que todos os membros precisam funcionar?

Em primeiro lugar, todos os membros  precisam funcionar porque…

I – QUEM NÃO ESTÁ USANDO O SEU TALENTO ESTÁ ENTERRANDO:

  • Essa é que é a verdade. Ou a pessoa está desenvolvendo e multiplicando seus talentos ou está enterrando.

E o que significa enterra o talento:

  1. a) Enterrar é sinal de morte:

Tudo o que é morto é enterrado.

  1. b) Enterrar é sinal de mundanismo:

Enterrar é se integrar com essa terra caída e debaixo de maldição.

  1. c) Enterrar é sinal de um conceito errado do Senhor: Mateus 25.24-25:

A questão não é se você faz tão bem como outro o irmão.

A questão é se você está fazendo o seu melhor!

Ilustração: Muitos líderes que fizeram a oração na campanha me procuraram com medo, dizendo que não se sentiam seguro, disse justamente isso: você precisa da o seu melhor e isso basta

  1. d) Enterrar é sinal de ignorância acerca do seu papel no corpo:

O servo infiel enterrou o talento, porque ele achava que como era apenas um, não faria muito diferença.

  • Nosso Desafio é ter uma igreja onde todos estão envolvidos na obra!
  • Não importa quantos talentos você tenha. Se cinco se dois ou se apenas um.
  • Você precisa funcionar para que a obra possa avançar!

Em segundo lugar, todos os membros  precisam funcionar porque…

II – NÃO HÁ NINGUÉM QUE NÃO POSSUA PELO MENOS UM TALENTO:

2.1. Baseado na parábola pode dizer que não há ninguém na igreja com mais de cinco talentos, por outro lado não há ninguém com menos de um talento.

Qualquer filho de Deus, até aquele em pior condição espiritual, possui pelo menos um talento.

2.2. Portanto, ninguém está isento de servir a Deus.

Ninguém é dispensável na obra de Deus.

Cada membro do corpo precisa funcionar para que a igreja cumpra o seu propósito.

  • Na Casa de Deus ninguém pode desculpar-se dizendo que não recebeu talento algum.
  • Todos os filhos são servos. Se forem membros então possuem um dom. I Coríntios 15.10
  • Na vida da Igreja já aprendemos que a coisa mais importante é gerar filhos e não fazer coisas.

 

Ilustração: Encontro com Deus, Grande oportunidade de ativar o seu dom, talvez você não vá cantar em um grupo de louvor, mas o diabo vai perder o sono com você porque Deus vai ativar o dom de evangelismo em você que as pessoas que convidar vai dizer sim ao encontro.

 

  • No entanto fazer coisas ainda continua sendo necessário.
  • Isso nos mostra que todos os irmãos devem participar do serviço espiritual e também do serviço prático.

Em terceiro lugar, todos os membros  precisam funcionar porque…

III – PORQUE A MISSÃO SÓ SERÁ REALIZADA QUANDO CADA MEMBRO DO CORPO ESTIVER ATIVO:

  3.1. Não é uma questão apenas de fazer uma tarefa, é uma questão de fazer cada membro funcionar.

Nossa principal missão não é realizar uma tarefa, mas fazer todo o corpo funcionar.

      3.2. O mundo será ganho pelo corpo, não pelos membros mais talentosos.

As portas do inferno não resistem o corpo,

Mas elas fazem resistência quando apenas alguns membros talentosos estão atuando.

      3.3. No mundo a visão é escolher os mais talentosos, os mais habilidosos e capazes.

No mundo a visão é escolher apenas aqueles com quem nos identificamos.

No mundo a visão é descobrir o talento escondido, mas na Igreja a visão é desenterrar o talento.

3.4. No dia em que todos os de um talento se levantarem então teremos a realidade da vida da Igreja.

  • A igreja não é uma questão de ter um trabalho realizado, mas é uma questão de ativar todos os membros de um talento.
  • Não devemos pensar que uma vez que o trabalho está sendo feito tudo estará bem.
  • Não é assim. O nosso trabalho é levar o corpo a funcionar.

Conclusão:

A igreja não poderá passar desse nível se apenas alguns trabalham enquanto que os demais enterram seus talentos.

Precisamos que cada membro esteja não apenas envolvido, mas levando outros a se envolverem nessa obra.

 Porque cada membro ativado, representa um talento multiplicado.

Desafio: Eu quero desafiar cada líder a envolver os membros da sua célula na obra.

Eu quero desafiar cada irmão a se colocar à disposição para servir ao Senhor.

Talvez você não tenha um grande ministério para desenvolver agora, mas você pode começar cooperando com algum serviço da sua célula e da igreja.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s